domingo, 30 de dezembro de 2012

Risco

© effraie

antes que as mãos esqueçam
colherei a alquimia do poema
até que meu corpo seja barro
e às formas do teu se molde


ah!… fosse tão simples tocar-te… 



poesia.



1 comentário:

© Piedade Araújo Sol disse...

as coisas difíceis são mais apetecíveis.

deixo votos de ano novo muito feliz.

obrigada!

beijo

;)