sábado, 22 de maio de 2010

Sentido perdido


Que degraus escolher quando o meu caminho perde sentido sem os teus passos?

3 comentários:

Milhita disse...

Quedar-me no compasso entre o instante embargado e o sonho que, vivo, ensaia um sopro de alma, um grito, uma pegada no tempo e se, preciso uma lagrima...
Um abraço meu amigo!

Zaclis Veiga disse...

os mais próximos
mesmo que mais distantes

© Piedade Araújo Sol disse...

e subo
desço
os degraus da vida
ou da sorte!

beij