terça-feira, 6 de abril de 2010

Cântico de amor


Faz da tua pele, meu manto
e do teu corpo meu leito,
antes que a noite adormeça
e a lua se afunde no mar.
Se no alvor ouvires um canto,
faz almofada no meu peito,
sossega nele tua cabeça
e esquece a manhã por chegar.

1 comentário:

© Piedade Araújo Sol disse...

tão belo!

estive a colocar a leitura em dia, e parabéns.

gostei!

um beij